time to breathe

Conversando com algumas pessoas, tenho percebido como estamos todos em um ritmo acelerado, correndo contra o tempo para dar conta das tarefas do dia-a-dia.

Manter a cabeça ocupada e o corpo em movimento, sem dúvida, se faz necessário e bem para o nosso viver, mas às vezes precisamos parar, frear um pouco esse ritmo.

Conversando com uma amiga, que mora próximo à mim, percebemos que há mais de oito meses não nos vemos. Uma vergonha. Onde já se viu uma amizade assim? O whatsapp não substitui o abraço e os papos por longas e agradáveis horas, mas que na “correria” se transformaram em pequenos diálogos em aplicativos. Triste, não?

Sinceramente, não estou muito afim dessa “correria”, não. Como costumo dizer, eu quero é paz. Aproveitar com simplicidade e calma os momentos que podemos viver e não sofrer depois de perdê-los.

E para minha surpresa, também hoje, uma mudança de planos me levou ao centro de tudo. Lá pude respirar e agradecer. Pensar, pedir, rezar e agradecer mais um pouquinho. <3

E se posso pedir mais uma coisa, é isso: que saibamos aproveitar o tempo que Deus nos dá com o que realmente nos faz feliz e o alegra!

“Quanto tempo você tem? Quanto tempo você tem?
Será que você sabe quanto dura a vida?
Isso não dá pra dizer. Ninguém saberá .
Quanto tempo você tem? Quanto tempo você tem?
Tem que aproveitar o dom pra fazer o bem.”

Banda Dom – Quanto tempo você tem?

Please follow and like us:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *